Especialidades

Oftalmologia

A oftalmologia é uma especialidade médica do profissional que já concluiu o curso de medicina e deseja atuar na prescrição de tratamento, medicamentos, correções e cirurgias oculares. Existem algumas subespecialidades como cirurgia refrativa, oftalmopediatria, oculoplástica, orbitárias, catarata, glaucoma, entre outras.


O ideal é que visitemos ao menos uma vez por ano o oftalmologista para prevenir doenças. Quem usa lentes corretivas também precisa ir com periodicidade para acompanhamento do grau a fim de que não aumente. Como os problemas nos olhos podem não causar sintomas, a importância da periodicidade aumenta. Vale destacar que não há idade para ter problemas oftalmológicos, apesar de a velhice demandar mais cuidados e atenção.


Conheça abaixo as principais patologias oftalmológicas:


• Miopia: Trata-se de um erro de refração que afeta a visão à distância. A imagem visual fica focalizada na parte anterior da retina. A miopia é tratada com óculos, lentes de contato ou até cirurgias.


• Astigmatismo: O astigmatismo é causado por diferença de curvatura dos meridianos da córnea e cristalino. Com isso a imagem fica distorcida. Os tratamentos são com óculos, lente de contato ou cirurgia.


• Hipermetropia: nesse caso o erro de refração dificulta a visão de perto e, em casos mais graves, também de longe. A imagem visual é focalizada posterior à retina. As correções são as mesmas: cirurgia, óculos ou lente de contato.


• Presbiopia: é chamada de visão cansada e acontece, normalmente, a partir dos 40 anos de idade. A baixa visão também acontece por conta da perda de acomodação do cristalino. Os óculos e lentes de contato também podem resolver o problema.


• Conjuntivite: é uma inflamação na conjuntiva, a membrana transparente que recobre a parte branca dos olhos e a superfície interna das pálpebras. Ela pode ser infecciosa, alérgica ou tóxica.


• Ceratocone: é uma doença não inflamatória e progressiva que afeta o formato da córnea. O principal sintoma é a visão distorcida e borrada. Ela pode ser tratada com óculos, lentes ou cirurgias. Existem três tipos de cirurgia: crosslinking, transplante de córnea e implante de anel corneano.


• Glaucoma: a doença atinge o nervo óptico e envolvem a perda das células da retina, responsáveis pelo envio de impulsos nervosos ao cérebro. É preciso tratá-lo precocemente para não causar problemas mais graves na visão.


• Catarata: com a catarata o cristalino fica opaco e diminui-se a acuidade visual, mesmo com óculos. Ela acontece comumente na velhice e pode ser tratada com cirurgias.



Alguns sintomas


Existem alguns sintomas que você precisa ficar atento. Um deles é a perda progressiva da visão. Por vezes a pessoa não nota a dificuldade e esse fator pode agravar ainda mais a visão. Dificuldade para se adaptar a diferentes tipos de luz também é outro sintoma que merece atenção. As manchas na visão também merecem atenção, além de mudança frequente na prescrição dos óculos. Fique atento a visão dupla, olhos vermelhos, modificação da capacidade de ver cores e também a presença de outras doenças crônicas, as quais podem influenciar na visão. Ao sinal de qualquer um desses fatores marque um oftalmo para tratar rapidamente.


 

Nossas Unidades
Barueri
Cajamar
Carapicuíba I - Tâmara
Carapicuíba II - Inocêncio
Itapevi
  • Rua Escolástica Chaluppe,30 Centro
  • 11 3883-3373/4553-6626
  • Atendimento Seg a Sex: 8h às 18h Sábados: 8h às 12h
  • Saiba mais
  • Agendar consulta
Jandira
  • Av. André Vidal de Negreiros,276 Centro
  • 11 4707-2250/4789-3401
  • Atendimento Seg a Sex: 8h às 21h Sábados: 8h às 12h
  • Saiba mais
  • Agendar consulta
Jd. Mutinga
Osasco I - Helena Maria
Osasco II - Santo Antônio
Pq. dos Camargos
Copyrights © 2016-2019 Hospitalis - Todos os direitos reservados