Ultrassonografia Obstétrica

Todos sabem que, durante a gestação, é necessário fazer uma série de exames para certificar-se de que está tudo bem com a saúde da futura mamãe e do bebê. Um dos principais exames nessa fase é a Ultrassonografia obstétrica. Por meio dela, é possível visualizar os órgãos internos pélvicos da mulher e também o feto. A realização do exame consiste em passar gel sobre o abdome da gestante e deslizar um transdutor sobre a pele. O aparelho é capaz de detectar todas essas informações e transformá-las em imagens, que são apresentadas através de um monitor.


É realizada algumas vezes durante a gestação como rotina, ou quando houver alguma suspeita de anormalidade. No primeiro trimestre, tem como objetivo averiguar a ocorrência de uma gravidez normal, verificar se se trata de gêmeos, avaliar o tempo da gestação, avaliar o coração do feto, identificar anomalias na placenta, no útero, no feto ou riscos potenciais de aborto. No segundo e terceiro trimestre, avaliam a placenta e o líquido amniótico. Também é possível definir a idade, crescimento e posição do bebê. Nessa fase, também é comum ver o sexo.


Entre a 13º e a 14º semana de gestação, alguns médicos recomendam que seja feita uma ultrassonografia para detectar alguns possíveis problemas, como Síndrome de Down, por exemplo. Não existe ao certo um número padrão de ultrassonografias que devem ser feitas durante a gestação, pois além das rotineiras, outras podem ser solicitadas pelo médico, quando da decorrência de alterações em outros exames, ou mesmo no quadro clínico da paciente. Antes da realização do exame, recomenda-se que sejam ingeridos 2 a 3 copos de água para que a bexiga fique cheia. Este exame é realizado sem a interferência da radiação ionizante, o que garante ausência de riscos de radiação, tanto para a gestante quanto para o bebê.


Gestação não é doença, mas é um período importante na vida da mulher e que demanda acompanhamento médico para garantir que tudo corra bem e dar à mulher e ao bebê toda a assistência necessária que precisam nessa condição, e também orientação e tratamento no caso da ocorrência de alguma anormalidade. A ultrassonografia obstétrica serve como complemento aos exames de sangue, que visam medir os níveis hormonais e as taxas de açúcares e gorduras no corpo da gestante. Caso essas taxas estejam alteradas, é necessário verificar imediatamente através da ultrassonografia se há algo errado com o feto ou as estruturas que o envolvem, como útero, placenta e líquidos.


Não deixe de procurar o médico em caso de ocorrência de qualquer evento que não condiz com a rotina normal de uma gestante. Evite se desesperar e busque manter a calma até chegar ao hospital. Lembre-se que a equipe médica sempre fará o melhor por você e para o seu bebê. Além de solicitar os exames necessários, o médico também tirará suas dúvidas e orientará para atitudes e mudanças de hábitos para atenuar possíveis riscos. Dessa forma, com todo o acompanhamento necessário, será possível passar por uma gravidez tranquila e evitar complicações pós-parto.


Nossas Unidades
Barueri
Cajamar
Carapicuíba I - Tâmara
Carapicuíba II - Inocêncio
Itapevi
  • Rua Escolástica Chaluppe,30 Centro
  • 11 3883-3373/4553-6626
  • Atendimento Seg a Sex: 8h às 18h Sábados: 8h às 12h
  • Saiba mais
  • Agendar consulta
Jandira
  • Av. André Vidal de Negreiros,276 Centro
  • 11 4707-2250/4789-3401
  • Atendimento Seg a Sex: 8h às 21h Sábados: 8h às 12h
  • Saiba mais
  • Agendar consulta
Jd. Mutinga
Osasco I - Helena Maria
Osasco II - Santo Antônio
Pq. dos Camargos
Copyrights © 2016-2019 Hospitalis - Todos os direitos reservados